Printer-friendly version

Pensando em Juntar-se à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Igreja Mórmon)?

Pensando em Juntar-se à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Igreja Mórmon)?

 

Os mórmons são conhecidos como pessoas sinceras, espiritualmente dedicadas, bons vizinhos e colegas de trabalho responsáveis. Eles têm qualidades que admiramos quando se trata de valores de vida e da família morais. No entanto, sua história está envolta em controvérsia e suas crenças muitas vezes não são aceitas como cristãs. O que traz a Igreja Mórmon sob tal escrutínio?

A autenticidade e a credibilidade do movimento Mórmon repousa inequivocamente sobre a integridade de seu fundador - Joseph Smith - e sua afirmação de que Deus, o Pai, e Jesus lhe apareceram em uma visão. Joseph também afirmou que alguns anos mais tarde um anjo o guiou para certas placas de ouro. Destas, ele produziu o Livro de Mórmon, que ele dizia ser outro livro histórico de Escritura divinamente inspirada, da autoridade igual à Bíblia.

"A autenticidade e credibilidade do movimento Mórmon repousa inequivocamente sobre a integridade de seu fundador -. Joseph Smith."

Um Profeta de Deus para os Dias Atuais?

Aceitar as afirmações de Joseph Smith seria menos difícil se ele tivesse sido um homem de caráter impecável. Ele não era. Ao invés disto, sua história é de repetidos casos sexuais secretos com adolescentes e esposas de outros homens. Elas concordavam com os avanços de seu profeta, porque Joseph ameaçava castigo divino se elas o rejeitaram. O que está sendo dito aqui não é a carga maldosa dos críticos, mas os achados cuidadosamente documentados dos próprios historiadores Mórmons. Mais sobre isso …

É este o tipo de homem em quem você confiaria se ele lhe dissesse que Deus apareceu a ele, quando ainda era um menino de 14 anos de idade, e que havia-lhe dito que todas as outras igrejas cristãs estavam erradas?

Devemos simplesmente aceitar a palavra de Smith quando ele afirma que ele já não tem as placas de ouro a partir das quais ele produziu o Livro de Mórmon porque ele teve que devolvê-las ao anjo? Tradutor ou Embusteiro?

A evidência factual que temos levanta dúvidas sobre a autenticidade do Livro de Mórmon. A Arqueologia refuta a existência da civilização pré-colombiana descrita pelo Livro de Mórmon. Evidências de DNA refutam a alegação do Livro de Mórmon que os nativos americanos são descendentes de Hebreus que migraram para as Américas. Mais sobre isso …

Se as afirmações de Joseph Smith falham onde podem ser testados pela evidência empírica, quão sábio é confiar em sua história onde não possa ser verificada?

Joseph comprou antigos papiros egípcios e alegou que ele poderia traduzi-los. Seus seguidores acreditavam em sua história de que os papiros haviam sido escritos pelo Abraão da Bíblia e deveriam ser considerado como Escritura há muito perdida. Estudiosos posteriores e egiptólogos descobriram que estes papiros eram nada mais do que, pergaminhos funerários pagãos e comuns, que não mencionam Abraão e data de séculos após seu tempo. Mais sobre isso …

Uma vez que Joseph Smith falha em sua capacidade como um "tradutor" do Livro de Abraão quando seu trabalho é colocado sob teste, como podemos aceitar a alegação de que ele traduziu o Livro de Mórmon de placas de ouro? 

Superando a Bíblia

O Mormonismo proclama fidelidade à Bíblia, mas só usa-a quando e onde ela aparenta apoiar os ensinamentos Mórmons. Joseph fez a afirmação sem fundamento de que a Bíblia não era confiável e nela faltavam partes importantes. Isso abriu as portas para que ele produzisse suas próprias revelações. A Igreja Mórmon reivindica agora estas "Revelações dos Últimos Dias" que deixam a Bíblia obsoleta, por isso, se houver quaisquer conflitos entre as escrituras Mórmon e a Bíblia, a Bíblia tem que estar errada. É de se admirar que quase todas as denominações cristãs considera o mormonismo uma forma espúria e falsificada do cristianismo?

Há uma completa falta de provas da ciência, da Bíblia e da história para apoiar reivindicações mórmons. Não é de se admirar que a Igreja Mórmon peça às pessoas para ignorar a evidência objetiva e confiar em seus sentimentos para avaliar a história de Joseph Smith. Missionários mórmons fazem isto soar espiritual - orar e questionar a Deus, com fé e sinceridade, se Joseph é um verdadeiro profeta - em vez de olhar cuidadosamente para a vida e os ensinamentos de seu fundador. Mas é realmente "espiritual" tentar obter um bom sentimento sobre algo ser verdadeiro, enquanto você ignorar todas as evidências que aponta para ele ser falso?

A Fé certamente desempenha um papel importante em nosso relacionamento com Deus e a sinceridade é uma qualidade admirável, mas Deus também nos deu as nossas mentes; Será que ele realmente espera que nós ignoremos todas as evidências de fraude espiritual para dar um salto cego e “sincero” da fé?

Se você gostaria de prosseguir com um olhar objetivo sobre Joseph Smith e as origens do Mormonismo nós encorajamos você a explorar as seguintes áreas:

Entenda por que outros deixaram a Igreja Mórmon

  • Katrina foi uma Mórmon ativa e dedicada, mas quanto mais ela lia a Bíblia quanto menos ela confiava nos ensinamentos SUD. Leia a história "O Pai Celestial levou-me."
  • V.R. e seu marido tinham algumas reservas, mas entraram para a Igreja Mórmon de qualquer maneira, apenas para descobrir que "a ênfase na família tem um lado sombrio." Eles compartilham algumas das coisas que os perturbaram. Leia sua história aqui.
  • Chris se casou com uma mulher Mórmon e converteu-se à Igreja SUD. Mas, na medida em que ele estudava a Bíblia se deu conta de que sua nova religião não era nada do que ele tinha sido levado a acreditar. Leia a história "Minha jornada do Mormonismo à Verdade."

O que os missionários Mórmon lhe dirão...  e o que NÃO dirão

Os missionários mórmons lhe dirão que:

  • Eles concordam com quase todas as crenças que você professa. (Eles sabem que o acordo cria confiança, relacionamento e conexão pessoal que dará a sua mensagem mais credibilidade).
  • Eles são cristãos, a Igreja Mórmon é uma igreja cristã e cada igreja tem alguma verdade.
  • Eles nunca criticarão outras igrejas.
  • Suas crenças são todas baseadas e compatíveis com a Bíblia.
  • Deus chamou um menino de 14 anos de idade, Joseph Smith, para restaurar as verdades que haviam sido perdidos ao cristianismo há cerca de 1800 anos.
  • Deus fez isso aparecendo pessoalmente, junto com seu Filho Jesus, para Joseph Smith, no evento chamado “A Primeira Visão”.
  • Mais tarde Deus enviou um antigo guerreiro chamado Moroni (que havia se tornado um anjo) para mostrar Joseph onde encontrar placas de ouro escritas em uma língua antiga, as quais ele iria traduzir para o Livro de Mórmon.
  • Você pode descobrir por si mesmo se o Livro de Mórmon é uma verdadeira escritura e se Joseph Smith é um profeta verdadeiro pedindo a Deus em oração, que Ele confirme se isso é assim. Se você cumprir as condições necessárias (um coração sincero e real intenção, e fé em Jesus) Deus lhe dará uma revelação por algum tipo de experiência subjetiva, um “bem estar” que confirma que tudo o que lhe disse é verdade.
  • Esta maneira de saber algo é verdade é apoiada por Tiago 1: 5, que diz para pedir a Deus se você tem falta de sabedoria.
  • Deus sempre falou e sempre falará por intermédio dos profetas, portanto, precisamos de um profeta vivo.
  • Deus construiu sua igreja sobre o fundamento dos apóstolos e profetas (Efésios 2:20), portanto a verdadeira igreja de hoje deve ter apóstolos modernos também.
  • Através de rituais especiais (que eles chamam de Ordenanças) que só podem ser oferecidos pela Igreja Mórmon, as famílias podem ser unidas (seladas) e com isso têm esperança para passar a eternidade juntos, como uma unidade familiar.

Os missionários mórmons provavelmente NÃO lhe dirão que:

  • De acordo com as Escrituras Mórmon todas as outras igrejas estão em erro, todos os outros credos das igrejas são uma abominação a Deus e todos aqueles que professam crença naqueles credos são corruptos.
  • A Igreja Mórmon é a única igreja verdadeira sobre a face da terra; todas as outras igrejas fazem parte da grande apostasia, e ex-líderes mórmons referem-se a outras igrejas como "chocadas no inferno."
  • Os principais ensinamentos da Igreja Mórmon sobre temas como a natureza de Deus e Jesus são radical e irreconciliavelmente diferente de todas as outras igrejas cristãs e são contrariadas por várias declarações claras da Bíblia.
  • Joseph Smith relatou várias versões de sua Primeira Visão, tornando-a maior e melhor à medida que avançava. Joseph não contou a versão atual "oficial" da Primeira Visão até 18 anos após sua suposta ocorrência.
  • A descoberta e produção do Livro de Mórmon de Joseph Smith estava enraizada na prática supersticiosa e ocultista dele e de seu pai de escavar em busca de dinheiro.
  • Joseph Smith usou sua reputação e autoridade como um profeta para convencer mulheres casadas e meninas de 15 e 16 a se tornarem suas esposas secretas - ele teve, pelo menos, 30. Mais ...
  • O Livro de Mórmon não tem suporte arqueológico, geográfico, linguístico, antropológico e biológico para suas pretensões de ser um texto histórico antigo como a Bíblia. Veja evidência documentada aqui.
  • O Livro de Mórmon contradiz tanto a Bíblia quanto outras Escrituras Mórmons. Pode ser por isso que eles queiram que você ore para ser convencido de sua autenticidade, em vez de investigá-lo com cuidado. Veja exemplos aqui.
  • O "teste" para saber se o Livro de Mórmon é verdadeiro apenas "orando" para se saber, é uma armadilha psicológica inteligente. Ele é configurado para isso, se você não receber uma confirmação subjetiva da veracidade do Livro de Mórmon, o problema é a sua falta de fé, a sua falta de vontade real ou o seu coração insincero. Com esse teste, não há como o Livro de Mórmon ser provado errado. O errado será você.
  • Os versos que usam a Bíblia para provar seus pontos são tomados fora de contexto ou usam uma lógica distorcida de interpretação. Veja um exemplo aqui.
  • As cerimônias secretas do templo, tão importantes para a salvação Mórmon, têm sua origem em rituais maçônicos que Joseph Smith e seu irmão Hyrum aprenderam antes de introduzir suas próprias cerimônias do templo. Leia mais aqui.

Por que os sentimentos não são a melhor maneira de decidir verdade ou falsidade

Todos nós sentimos as coisas, e muitos de nós temos experiências subjetivas, intuitivas que nós pensamos que vieram de algum lugar fora de nós - talvez até mesmo o próprio Deus. Tendemos a lembrar as experiências que deram certo, aquelas que confirmaram o que sentíamos ou pensávamos, e muitas vezes nos esquecemos daqueles que nunca aconteceram.

Se os sentimentos viessem de Deus somente, seriam uma fonte confiável para saber o que é verdadeiro e o que é falso. Mas eles não o fazem! Sentimentos, impressões e experiências subjetivas vêm de uma série de fontes; alguns têm origem em nossos próprios fortes desejos subconscientes ou conscientes; outros de forças espirituais do mal que buscam enganar e espiritualmente nos desviar da Verdade. A Bíblia fornece algumas advertências claras sobre cuidados quanto ao engano.

“Queridos amigos, não creiais a todo espírito, mas provai os espíritos para ver se são de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo.” 1 João 4: 1 

“Há um caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte.” Provérbios 14:12

Portanto a sabedoria recomenda que você pesquise cuidadosamente sobre a vida e os ensinamentos de Joseph Smith e a história da Igreja Mórmon. Proceder desta maneira tende a levar as pessoas para fora da Igreja SUD, ao invés de para dentro; e tende a desbaratar ao invés de apoiar a alegação da Igreja Mórmon de ser a única igreja verdadeira sobre a face da Terra.

Mais uma razão para fazer sua “lição de casa” antes de se juntar à Igreja SUD – e não depois, ao constatar os problemas de dentro.